sábado, 19 de outubro de 2019

Como fazer uma lanterna aterradora para o Halloween


Estamos  quase no Halloween, e tudo o que é assustador vira decoração nesta altura.
Esta é lanterna assustadora, para assustar as noites aterradoras de Halloween.
É muito fácil e rápido de fazer, e tem um efeito deslumbrante, e aterrador



Photo Youtube Makoccino

Como fazer uma luminária de parede com um tubo de PVC

Materiais necessários.


1 Copo long drink, ou frasco alto
Papel colorido transparente, (celofane)
Lápis,
Tesoura,
Cola normal,
Cola quente,
Tinta preta,
Pincéis e
Giz.


Photo Youtube Makoccino

Como fazer:

Enrole o papel em volta do copo, para ver onde vai desenhar.
Desenhe os olhos e a boca. Acabe o desenho com o papel na mesa e corte o excesso de papel, deixando cerca de dois centímetros de cada lado. Aplique um pouco de cola na parte de trás do papel e cole-o ao copo onde preferir.


Com a pistola de cola quente, coloque a cola a volta dos olhos e boca usando as linhas o desenho
Preencha o rosto com cola quente deixando sem cola apenas os olhos e a boca colocando também na borda do copo. Tentando imitar a cera derretida.


Photo Youtube Makoccino


Como fazer uma luminária com molas para roupa


Repita até que ache que o aspeto é o pretendido e acabe preenchendo o resto do copo, deixando um aspeto de cera escorrida
Deixe tudo secar e esfriar e, retire o excesso de cola quente.
Pinte tudo de preto e passe giz nalguns pingos e pode também, depois de secar o preto, pintar alguns de, vermelho fica também muito bem.
Agora é só colocar uma vela no interior e assustar toda a gente.


Tutorial em video



Fonte//Makoccino

Lombo de porco com mel e mostarda


Lombo de porco com mel e mostarda, é uma deliciosa receita que decerto vai fazer as delicias de todos.


Experimente-a e vai ver que vai adorar sobretudo se é fã de pratos agridoce.






Seis dicas para churrasco perfeito.

Ingredientes:


2 lombinhos de porco, limpos de gorduras
2 colheres (sopa) de mel
4 colheres (sopa) de mostarda de Dijon
2 colheres (sopa) de alecrim fresco, picado
2 folhas de louro
azeite q.b.
sal e pimenta preta moída no momento
vinho branco q.b.

 Seis conservantes naturais que pode usar diariamente



Preparação:



Temperar os lombinhos com sal e pimenta.
Reservar.
Numa assadeira, misturar muito bem o mel com a mostarda e o alecrim.
Envolver a carne no preparado até ficar bem revestida.
Regar com um fio de azeite e um pouco de vinho branco.
Juntar as folhas de louro e deixar repousar.
Entretanto, pré-aquecer o forno a 200ºC. Levar os lombinhos a assar no forno durante aproximadamente 30 minutos, regando de vez em quando com o próprio molho.
Deixar repousar durante 5-7 minutos no forno desligado antes de fatiar.
Dispor as fatias de carne numa travessa e servir de imediato, com o molho à parte.

Bolo de chocolate delicioso


Bolo de coco humido



quinta-feira, 17 de outubro de 2019

Dicas para cultivar pimentas em casa

A pimenta além de colocar sabor em muitos pratos, tem excelentes propriedades e é uma planta muito bonita. As pimentas são ingredientes indispensáveis na culinária e todos nós apreciamos o seu sabor.
São vários tipos de pimenta, como a malagueta, a dedo-de-moça, a biquinho e a pimenta-de-cheiro, todas elas podem ser facilmente cultivadas em casa, mas é preciso bastante cuidado com a sua plantação, seja no vaso ou no jardim.
Vamos ver que cuidados ter e como plantar pimenteiras.

 
Photo OlharCristão

7 truques fáceis para cuidar das suas plantas

As condições atmosféricas


As pimenteiras precisam de calor e muita luz do sol para germinarem e crescerem. Elas são extremamente sensíveis a baixas temperaturas, à chuva e à geada. Por isso, preferencialmente cultive-as nos meses mais quentes. Mesmo que elas consigam crescer com baixas temperaturas, o seu sabor e aroma não serão os mesmos, o que afretará o sabor da sua receita.

O plantio


Os pezinhos de pimenteira podem ser adquiridas em diversos lugares, como supermercados, feiras e até floriculturas espalhadas pelo país. Assim que adquirir as pimenteiras, é preciso replantá-la. Escolha um vaso que tenha no mínimo 30 centímetros de diâmetro. A parte de terra seca á volta das raízes (torrão de terra) deve ser mantida na hora do replantio. Em seguida, cubra o vaso com mais terra e regue.
Mas também pode plantar a sua pimenteira através das sementes. Encha um vaso de 30 cm com terra vegetal e coloque de 3 a 4 sementes em cada vaso, a aproximadamente 1 cm da superfície. Quando as folhas começarem a nascer, escolha a planta mais robusta e remova as outras que não cresceram tanto.


Oito plantas de interior ideais para os descuidados


Que vasos usar


Na hora de ter plantas em casa, a escolha do vaso é extremamente importante. A cor e formato é fundamental para integrar na decoração. Mas não adianta escolher apenas um vaso bonito, ele precisa ser adequado para suas pimentas! Por isso, na hora de comprar o vaso, certifique-se de que o escolhido possua orifícios de drenagem no fundo. Se não tiver pode sempre os fazer, com uma boca de ponta de tungsténio para cerâmica ou terracota e broca normal para plástico.

Água


A água é a melhor amiga da sua plantinha, mas se regar a planta em excesso ela apodrece! O ideal é regar a pimenteira quando a superfície da terra seca. Utilize água o suficiente para começar a gotejar nos orifícios de drenagem? Como a pimenteira deve ficar no sol, rapidamente essa água evaporará, por isso é necessário uma boa quantidade. Além disso, tente sempre para regá-la pela manhã.

Poda


A última dica de como cultivar a pimenteira em casa é sobre a poda. Ela é necessária para dar força para a sua planta continuar crescendo e frutificando. Se  não aparar a planta depois de cada colheita, esta deixará de dar pimentas . Essa poda deve ser feita apenas uma vez ao ano, no final do outono ou no início do inverno.


Vasos de bamboo para suculentas


Adubo caseiro para ajudar a floraçâo das suas plantas


Fonte//Terra



quarta-feira, 16 de outubro de 2019

Como fazer um poderoso e eficaz inseticida caseiro


Os insetos são sempre incómodos, indesejados, e prejudiciais, como as moscas e mosquitos, mas também os que infestam as nossas plantas como lagartas e pulgões. Podemos comprar inseticidas químicos, carregados de produtos nocivos e sempre muito caros, mas também podemos recorrer a inseticidas caseiros e ecológicos. Este inseticida caseiro, extremamente poderoso, é 100% biológico.
Vamos então aprender a prepara-lo.



Photo Semear e Plantar


7 truques fáceis para cuidar das suas plantas


Ingredientes:


5 dentes de alho para cada meio litro de solução
Álcool branco a 70 ° ou 90 °
Agua
Uma gota de detergente para cozinha, ecológico
É importante lembrar que a mistura deve consistir em 50% de água e 50% de álcool

Preparação e aplicação:


Corte os dentes de alho e coloque-os num recipiente adicionando o álcool.(5 dentes para 250ml de álcool)
Deixe repousar um dia inteiro e depois adicione água (250ml) e uma gota detergente.
Misture tudo bem e coloque a mistura numa garrafa com difusor em de spray.
Se quiser fazer maior quantidade basta por exemplo duplicar as doses, 10 dentes de alho para 500 ml de álcool e 500 ml de água.
O produto obtido dura vários dias, também pode ser armazenado fora do frigorífico mas deixe-o em lugar escuro.
É aconselhável pulverizar o inseticida nas folhas e caules.


Oito plantas de interior ideais para os descuidados



Como plantar morangos num canteiro feito com palete



Fonte//1001Ideias