quinta-feira, 4 de julho de 2019

Cinco maneiras fáceis de reduzir o consumo de sal

Todos sabemos que o consumo se sal em excesso e prejudicial para a nossa saude.
Cerca de dois terços dos americanos tentam reduzir o consumo do sal, de acordo com a International Food Information Council Foundation.
O primeiro passo começa Isso geralmente começa com a observação dos rótulos e a escolha de alimentos, deste as sopas aos vegetais enlatados, escolha as com menos sal. 
Alem desta veja mais quatro maneiras em que pode reduzir sua ingestão de sal.


Photo Pixabay

Os benefícios da sardinha


Decerto sabe que as carnes vermelhas processadas estão cheias de sal, mas também dev ter cuidado com outros alimentos como pães embalados. Se comer um no café da manhã, um no almoço e um pãozinho no jantar, todo esse sal vai entrar na sua dieta. As refeições preparadas e embaladasnormalmente têm excesso de sal, especialmente pizza, nuggets de frango e muitos outros alimentos, adverte a American Heart Association.
O mesmo se aplica para as aves de capoeira que foram "pré-cortadas" ou injetadas com uma solução de sal.






Faça mais comida do zero.
Restaurantes e estabelecimentos de fast-food em particular, adicionam muito sal e estimulantes de sabor à base de sal aos alimentos. Quando cozinhar, substitua o sal por ervas e use especiarias para dar sabor. Experimente vários tipos de pimenta, como pimentões ancho e chipotle e paprica. Usando alho e cebola adiciona doçura e profundidade. Apenas tome cuidado com misturas de temperos com sal, como o tempero de taco, procure variedades sem sal e com baixo teor de sal.



Acompanhe sua ingestão de sal no mesmo aplicativo ou site que usa para controlar as calorias. Observar os números deve motivá-lo a reduzir.


Mesmo que o sal adicionado de um saleiro seja apenas uma pequena porção, adquira o hábito de provar a comida no seu prato antes de colocar mais sal, esteja em casa ou num restaurante. Adicione sabor com pimenta preta, sumo de limão fresco ou uma pitada de mistura sem sal.


Benefícios da beringela



Fonte//Medicalxpress





Sem comentários:

Publicar um comentário