segunda-feira, 30 de setembro de 2019

Seis maneiras fáceis de limpar equipamento eletrónico


Às vezes ficamos indecisos sobre que produto usar e como limpar adequadamente os aparelhos eletrónico sem lhes provocar avarias. Estes equipamentos normalmente são caros e muito sensíveis, sobretudo às humidades, Vamos ver como os limpar sem gastar muito dinheiro em detergentes especiais.


Photo Pixabay


10 truques para cozinhar mais rápido

Limpador de ecrã DIY


Certamente, pode comprar um limpador de tela comercial ou lenços de limpeza ou pode fazer o seu em casa. Só precisa de vinagre branco, água destilada e pequeno pulverizador. Misture partes iguais de vinagre e água destilada. Já pode limpar o telefone, a TV ou o ecrã do computador, mas primeiro limpe-o com um pano de microfibra. Em seguida, agite o pulverizador e aplique um pouco da mistura num pano limpo.

Limpar pó com filtros de café


Quando os ecrãs tiverem poeira limpe com um filtro de café. Ele apanha poeira sem arranhar ou deixar manchas.

 Limpar as teclas


A maneira mais fácil de limpar a poeira entre as teclas do computador é com fita transparente. Deslize uma faixa de 5 cm entre as linhas do teclado, e o adesivo apanhará qualquer resíduo. Use também um pincel pequeno e macio. As migalhas realmente minúsculas precisam ser removidas. Pode usar uma escova de dentes de criança e passar um fio de fio dental entre as teclas

Limpeza de resíduos mais difíceis no teclado


Mergulhe um cotonete ou uma bola de algodão em peróxido de hidrogênio (agua oxigenada) ou álcool e passe-o entre as teclas do computador. A mesma solução de limpeza funciona para o mouse.


Photo Pixabay

Ideias para reutilizar garrafas e garrafões de plástico


Controlos remotos


Os controlos remotos reúnem muita sujeira. Coloque uma gota de desinfetante para as mãos num toalhete de papel e limpe os controlos remotos. Para os botões, use um cotonete.

Proteja seu telefone na praia


Quando passa um dia na praia, a areia pode chegar a todos os lugares, incluindo os cantos do seu telefone. Mas pode protegê-lo de arranhões, humidade e outros danos, mantendo-o pronto para o uso. Basta envolvê-lo em uma camada de película aderente.


Agora que já sabe estes pequenos truques pode poupar mais uns centavos evitando comprar produtos caros que são facilmente substituíveis.






domingo, 29 de setembro de 2019

7 truques fáceis para cuidar das suas plantas

As suas plantas têm fungos e bolor? Encontre soluções fáceis para esses problemas de jardinagem com estas 7 dicas, usando remédios naturais como canela e alho.
 
Photo shutterstock

Nove coisas em que pode poupar dinheiro

Fungicida de aspirina

Se o seu jardim estiver infetado por fungos, misture um pedaço de aspirina moída com um litro de água e use-a para regar suas plantas uma vez por semana. (Tenha cuidado, pois muita aspirina pode danificar suas plantas.)

 Fungicida de camomila

Para matar os fungos das suas plantas, prepare uma chávena extra forte de chá de camomila e pulverize o chá, depois de frio, por todas as folhas. Repita diariamente até o fungo desaparecer.

Fungicida de canela

A canela é um ótimo fungicida natural para as plantas e o solo. Para usar, combine uma colher de chá de canela em pó com um decilitro de água num pulverizador. Pulverize onde quer que você veja o fungo e repita a cada 10 dias para manter o fungo afastado para sempre.

 Spray anti-mofo

Aqui está um tratamento antigo para evitar que as plantas sofram de mofo ou manchas pretas. Misture meia colher de sopa de bicarbonato de sódio com uma gota de óleo vegetal e duas chávenas de água com sabão. Pulverize nos dois lados das folhas das plantas afetadas. Conclua este tratamento à noite e nunca sob a luz do sol; caso contrário, as folhas podem queimar. Enquanto o sabão ajuda a espalhar a mistura e o óleo vegetal faz com que ela cole, o bicarbonato de sódio torna as superfícies das folhas alcalinas, o que inibirá os esporos dos fungos. A maior vantagem desse método é que não haverá impacto ambiental devido ao uso de apenas ingredientes naturais.


 Nove coisas em que pode poupar dinheiro



Uso do alho


O alho é excelente para fazer reviver plantas doentes. Rale dois dentes em quatro chavenas de água e use o necessário para saciar a sede de suas plantas em dificuldades. Dado os inúmeros benefícios à saúde que o alho oferece aos seres humanos, não é de surpreender que ele possa ajudar também as plantas que compartilham sua casa.

 Talas para hastes quebradas

Um caule quebrado não precisa significar o fim de uma flor. Se tratar a tempo, poderá salvar o membro fazendo uma tala com um palito e fita adesiva.

 Tampa para proteger do gelo

Se tem plantas pequenas ao ar livre, não precisa necessariamente trazê-las para dentro para mantê-las protegidas do gelo. Simplesmente cubra-os à noite com pequenos sacos de lixo de plástico (do tipo que têm puxadores) e amarre-os firmemente á volta. Não se esqueça de remover as sacolas pela manhã, para que as plantas absorvam o sol.


10 truques para cozinhar mais rápido


Como plantar morangos num canteiro feito com palete







Faça uma bola de espelhos com CDs velhos.


Tem um montão de CDs velhos que não quer mais? Jogá-los fora é uma opção, mas aqui vai uma ideia melhor. Utilizes esses CDs e faça com eles uma bola de espelhos.


Photo Youtube 

Materiais necessários

CDs velhos
Cola forte (ex: cola quente)
Palito de churrasco
Cordel
Pegador
Arame
1 bola de isopor
Martelo
Toalha
Tesoura

Primeiro, precisa quebrar os CDs em pedacinhos. Pode fazer isso facilmente colocando o CD envolto numa toalha e martelando algumas vezes. Este método funciona ainda melhor se, antecipadamente, colocar os CDs no congelador durante 10 a 15 minutos.

No entanto, se quiser os pedaços de CD em um formato específico, ou muito regulares, ponha água a ferver numa panela e retire do lume assim que ferver. Coloque então os CDs na água quente e depois os retire com uma pinça grande ou tenaz. Eles ficam maleáveis e fáceis de cortar na forma que desejar.
O próximo passo é enfiar o palito no meio da bola de isopor. Remova-o substitua-o pelo arame.
Numa ponta, dobre o excesso de arame em um pequeno formato de caracol para que ele não caia da bola. Na outra ponta, crie uma pequena volta que dê para pendurar a bola.

O passo final é cobrir a bola com os pedaços de CD. Faça isso prendendo os pedaços individualmente com a cola. É mais fácil começar pelo centro e depois ir em direção à parte exterior.

Aqui está um vídeo que mostra o passo a passo





Fonte//Gurl

sexta-feira, 27 de setembro de 2019

Quando devo trocar os pneus do meu automóvel?

Existem algumas variedades de pneus, com opções que variam entre os ideais para lama, areia, terrenos rochosos, economia de combustível e desempenho para o asfalto. É essencial ter certos cuidados com os pneus, tanto ao mante-los como na hora e trocá-los. Os pneus são um dos itens mais importantes no automóvel, já que são os únicos pontos de contato do carro com o solo, e se estiverem em más condições, podem causar acidentes.


Photo Pixabay

Como fazer um repelente de agua para para-brisas


Pressão dos pneus


Não deixe de ler o manual do proprietário para saber qual é a calibragem ideal para os pneus do seu carro. Lá, está descrita a pressão adequada para situações em que o carro está vazio ou mais carregado de peso. Se o pneu roda cheio demais, pode estragar prematuramente os amortecedores, a caixa de direção e até comprometer a aderência. Se estiver demasiado vazio, aumentará o desgaste dos pneus e o consumo de combustível, com risco maior de sofrer furos.

Rotação dos pneus


Entre 5 mil km e 10 mil km de uso, deve fazer a rotação dos pneus ou seja troca dos pneus dianteiros pelos traseiros, sempre acompanhado do alinhamento e da calibragem. Os pneus instalados nas rodas motrizes desgastam-se mais, principalmente em carros com tração dianteira, uma vez que eles reúnem a tração, a direção e a maior concentração de peso num só eixo.


Photo Pixabay


Quando deve substituir os amortecedores do seu automóvel


Alinhamento da direção e calibragem


O alinhamento da direção tem o objetivo de fazer os pneus rodar sem desgastes prematuros. Por fim a calibragem, que não é mais que a equilibragem dos pneus, evitando trepidações. Portanto, não deixe de fazer alinhamento e calibragem ao trocar os pneus do carro.

Que pneus devo comprar


Para evitar problemas de aderência nas mais variadas condições convém não utilizar de marcas diferentes no mesmo eixo. Pneus baratos normalmente têm menos aderência e podem ter um desgaste prematuro. Além disso, os sulcos dos pneus têm determinadas características que se destinam ás diversas funções, pelo que colocar pneus com piso diferente tornará o carro mais inseguro e provocará maior desgaste.

 Quando devo trocar os pneus


No piso dos pneus existe um ressalto nos sulcos que é o indicador de troca. Chamado de indicador TWI, quando esse ressalto fica ao mesmo nível da superfície de contato do pneu, indica que tem que trocar os pneus.
Esse ressalto indica que os pneus atingiram 1,6 mm de borracha e como os sulcos têm pouca profundidade dificulta a saída da água e pode provocar aquaplanagem, além de que, a partir desse ressalto, a borracha é mais dura, logo, menos aderente.

Photo Pixabay

Quando e como mudar o óleo dos travões


Bolhas nos pneus


As bolhas nos pneus, normalmente são causadas por quedas em buracos nas vias ou impactos nos passeios, causado o rebentamento da lona. Isso faz que com que o ar pressione a borracha para fora, criando essa protuberância. Também pode acontecer se os talões forem danificados durante o processo de montagem dos pneus.
Sem aviso prévio, elas podem aumentar de tamanho e se romper a qualquer momento, o que leva a uma perda de pressão repentina aumentando assim o risco de acidente.


Quais os 5 fluidos essenciais no seu carro e como verifica-los







quinta-feira, 26 de setembro de 2019

Bolo de maçã e canela (húmido)


Dois ingredientes que juntos oferecem-nos paladares incríveis. A maçã, essa fruta deliciosa muito dada á culinária e a canela que nos dá aquele sabor especial. Hoje juntamos os dois num delicioso bolo, bem húmido,  de maçã e canela.

Photo Tudogostoso


Tempero DIY para substituir o sal na cozinha

Bolo de Maçã e Canela


Ingredientes:

3 maçãs grandes
3 ovos
1 e ½ chávena de açúcar
2 chávenas de farinha de trigo
1 colher de sopa de fermento em pó
2 colheres de sopa de canela em pó
½ chávena de óleo

 Preparação:


Descasque as 3 maçãs e reserve as cascas.
Corte as maçãs em cubos pequenos.
Misture todos os ingredientes secos (farinha, açúcar, canela e o fermento) numa tigela grande.
Acrescente as maçãs em cubos, misture muito bem até todos os cubos estarem soltos e envolvidos na mistura e reserve.
No liquidificador bata os ovos, o óleo e as cascas das maçãs.
Misture o creme com os ingredientes secos na tigela, ficará uma massa muito espessa e pesada. É necessário envolver muito bem.
Coloque numa forma grande com furo no meio, untada e enfarinhada.
Leve a forno médio, pré-aquecido, por 40 minutos.
Após o tempo indicado faça um furo com a faca ou palito, se sair limpo está pronto.
Espere ficar frio e desenforme.
Polvilhe uma mistura de 1/2 chávena de açúcar com 1 colher (sopa) de canela em pó por cima do bolo (opcional como cobertura).

Os cubos de maçã deixam o bolo muito húmido, e para isso deve-se misturar os cubos nos ingredientes secos para eles ficarem espalhados por todo o bolo, uniformemente.

Tempero DIY para substituir o sal na cozinha



Fonte//SaborIntenso


terça-feira, 24 de setembro de 2019

Oito plantas de interior ideais para os descuidados

As plantas não só purificam o ar, mas também aumentam nossa capacidade de concentração, reduzem os nossos níveis de stresse e despertam a nossa criatividade.
No entanto, nem todas as pessoas têm jeito ou tempo para cuidar das plantas. Mas existem algumas plantas de interior que não requerem grandes cuidados, e que por isso são ideais para quem não consegue ter muito cuidado com elas.




1. Lírio verde

O lírio verde tem uma vantagem nos seus cuidados. Não precisa de muita água e por isso raramente precisa ser regada. Às vezes, pode até ficar sem água por uma ou duas semanas porque, sendo da mesma família dos aspargos, armazena humidade nas suas raízes. O lírio verde pode ser deixado na sombra ou no calor, mas sem ficar exposto diretamente ao sol.

 


Como plantar morangos num canteiro feito com palete

2. Aspargos com flores densas


Como o próprio nome sugere, os aspargos com flores densas também são da família dos aspargos e, portanto, raramente precisam de água. É aconselhável regá-los apenas quando o solo está completamente seco, o que pode demorar várias semanas. Além disso, esta planta gosta de ficar exposta à luz e ao ar fresco, no entanto, evite sua exposição direta ao sol.




3. Clivia miniata

A clivia miniata adora luz e fresco, por isso coloque-a numa área semi-sombreada. Como ela se adapta ao local localização muito rapidamente, é melhor evitar mudá-la muitas vezes de lugar. Além disso, não precisa regá-la no inverno e bastam pequenas quantidades de água no resto do ano.




4. Dracaena

A dracaena deve ser colocada em um local semi-sombreado porque ela gosta de luz, mas não de calor. Não a coloque diretamente na janela. Além disso, pode regar esta planta uma vez por semana no verão e uma vez a cada duas semanas no inverno.





Vasos de bamboo para suculentas



5. Espada-de-são-jorge

Como as folhas da espada-de-são-jorge são muito sensíveis ao calor e secam rapidamente, não a exponha diretamente ao sol. Sobrevive bem sem água durante algumas semanas. Regue-a com pouca água.




6. Castanha da Guiana

Ao contrário das plantas anteriores, a luz solar direta não é um problema para a castanha da Guiana. No verão, pode até mesmo colocá-la na varanda ou no terraço. Mas tem algo em comum com outras, não necessita de  muita água e pode sobreviver por muito tempo se esquecer de regá-la.




7. Aloe vera

A aloe vera (ou babosa) também gosta de calor, então, um pouco de luz solar direta é ideal. No inverno, em locais mais frios, basta colocá-la perto do aquecedor. Regue-a uma vez a cada 10 dias para que possa crescer. Quanto maiores as folhas, mais gel pode extrair.

 


Adubo caseiro para ajudar a floraçâo das suas plantas

8. Echeveria

É difícil ser mais simples que a echeveria quando se trata de cuidados. Ela gosta da luz do sol e do calor e pode viver várias semanas sem água. Ela também é capaz de armazenar humidade nas suas raízes. Não há necessidade de regar no inverno.

Poucas plantas são tão fáceis de manter do que estas. Eles são ideais para quem não tem habilidade com jardinagem. Dessa forma, todos podem beneficiar dos efeitos positivos das plantas sem ter que investir muito tempo ou esforço nisso.


Oito dicas para manter seu jardim na melhor forma


Fonte//1001Ideias


domingo, 22 de setembro de 2019

As propriedades e benefícios da salsa


Oriunda da região Mediterrânica, a salsa é uma erva aromática bastante conhecida e cultivada em áreas de clima temperado e subtropical. Muito usada na cozinha devido ao seu sabor agradável e capacidade de aprimorar o gosto de outros alimentos, a salsa também oferece benefícios para a saúde.





Os benefícios das folhas de louro



Propriedades

Cada 100 grama de salsa crua possui:
- Água: 88,7%
- Energia: 33 kcal
- Proteína: 3,3 g
- Lipídos: 0,6 g
- Hidratos de carbono: 5,7
- Cálcio: 179 mg
- Ferro: 3,2 mg
- Magnésio: 21 mg
- Fósforo: 49 mg
- Potássio: 711 mg
- Sódio: 2 mg
- Zinco: 1,3 mg

 Benefícios da salsa

 1. Combate a retenção de líquidos

Os óleos essenciais presentes na salsa têm uma ação diurética que aumenta o fluxo de urina e, deste modo, ajuda a eliminar os líquidos retidos no organismo.

2. Faz bem á pele

A vitamina C contida na salsa age como um antioxidante, combatendo estruturas que prejudicam as células saudáveis e que geram o envelhecimento precoce.

 3. Previne gripes e constipações

A ação de flavonoides como a luteolina combate o aparecimento de alergias, gripes e constipações.


4. Combate infeções urinárias


A ação diurética da salsa aumenta o fluxo urinário e a antibacteriana combate os micro-organismos patogénicos. Juntas, essas propriedades ajudam a tratar infeções urinárias.

5. Ajuda o emagrecimento


Além de ter poucas calorias, a salsa pode ser um excelente substituto do sal, visto ser um tempero saboroso, e assim reduzir a quantidade de sódio ingerida. Como consequência, há uma menor tendência a inchaço, contribuindo para a eliminação de líquido excedente.

Como consumir

A salsa fresca ou desidratada pode ser usada na preparação de chás e sumos, assim como no tempero de carne, peixe e outros cozinhados.
Não existe uma quantidade limite para consumo o diário. A única contra indicação refere-se a pessoas alérgicas a salsa, porém a sua incidência é rara.




Os benefícios da sardinha



Fonte//Noticias ao Minuto





sexta-feira, 20 de setembro de 2019

Nove coisas em que pode poupar dinheiro


Muitas vezes, por comodismo ou falta de conhecimento, adquirimos produtos e serviços desnecessários ou simplesmente substituíveis por outros, alguns bem vulgares, e que fazem o mesmo do que os que compramos para um determinado efeito.
Vamos ver nove maneiras de conseguir não gastar tanto dinheiro nos produtos e serviços que utiliza frequentemente.  

 


Photo Pixabay


Oito dicas para não gastar tanto nas oficinas.



Poupe dinheiro nas viagens


Está de férias e planeia viajar? Estudos mostraram que as terças e quartas-feiras são os dias mais baratos para viajar de avião. Se alugar um carro, não pague as taxas de aluguer que as empresas de aluguer de automóveis cobram para entregar o carro no aeroporto. Em vez disso, vá de táxi para uma agência de aluguer próxima e alugue o carro aí. Geralmente é muito mais barato.



Obtenha artigos grátis online


Hoje em dia, existem poucas coisas gratuitas na Internet ou onde quer que seja, mas ainda assim pode obter amostras grátis de novos produtos da Proctor and Gamble, juntando-se à P&G Everyday . Também adoramos HeyItsFree.Net e Freebies4Mom.com, aqui pode encontrar coisas grátis online. E, claro, não se esqueça de por um like suas marcas favoritas no Facebook e se inscrever nos boletins informativos para descobrir ofertas e obter cupons.

Faça seus próprios produtos de limpeza com vinagre


Fazer seus próprios produtos de limpeza DIY é super fácil. Para balcões e janelas, basta usar uma solução de metade vinagre branco e metade água e usar jornal velho em vez de toalhas de papel para lavar janelas. Também pode usar vinagre branco e água como um spray de limpeza para a banheira. Use 1 parte de vinagre branco e 9 partes de água num pulverizador e pulverize-o sobre a banheira após cada banho para evitar mofo e bolor.

 
Photo Pixabay


4 dicas para poupar nas compras de supermercado


Polidor de madeira DIY


Em vez de comprar polidores de madeira, misture 1 chavena de azeite com sumo de um limão e esfregue nos móveis de madeira.

Limpador de joias


Limpe as pratas com pasta de dentes. Use a variedade branca, não gel, e use um pano seco e depois limpe. As manchas sairão! Ainda há este truque incrível, forre uma tigela com papel alumínio e adicione uma colher de sopa de sal ou bicarbonato de sódio. Encha com água morna, coloque suas joias de prata e mexa a água. Em seguida, basta passar por água limpa e secar com um pano!

Limpar poeira



 Se não tem um espanador não o compre, basta usar um secador de cabelo! Soprar suavemente o ar em bugigangas e outros itens domésticos é uma maneira rápida e fácil de remover poeira.

Economize na mercearia




Photo Pixabay

Como economizar algum dinheiro na manutenção do carro

Economize em base e pó


Algumas das maquiagens mais caras são base e pó. Faça com que durem mais comprando um tom mais escuro que o natural e depois misturando-o com hidratante (para base) ou pó de bebê (em pó) até que ele corresponda à sua cor normal. Você terá mais que o dobro e nunca notará a diferença!

Desmaquilhante DIY


Use azeite de oliva em vez de desmaquilhante! Funciona tão bem como o comprado e alem disso hidrata a pele.



Como economizar algum dinheiro na manutenção do carro








quarta-feira, 18 de setembro de 2019

Bolo de coco humido


Está a aproximar-se uma festa de aniversário, ou simplesmente um lanche dos seus filhos com amigos. Se precisa de um bolo delicioso fica aqui a receita de bolo de coco para oferecer aos seus convidados.

Photo Pinterest

Ingredientes


2 chávenas (chá) de farinha
1 chávena (chá) de leite quente
1 e 1/2 chávena (chá) de açúcar
1/2 chávena (chá) de óleo
125 g de coco ralado
4 Ovos
1 colher (chá) de fermento em pó
Margarina para untar
Farinha para polvilhar
Coco ralado tostado para polvilhar





Preparação

Pré-aqueça o forno a 180ºc.
Bata bem os ovos com o açúcar.
Adicione o óleo, o coco e a farinha peneirada com o fermento, batendo sempre entre cada adição. Por fim, junte 1 chávena (chá) de água quente e bata mais um pouco.
Unte uma forma com margarina e polvilhe-a com farinha.
Deite a massa anterior e leve ao forno, entre 35 a 40 minutos.
Retire do forno, regue com o leite quente e deixe arrefecer. Desenforme, depois de frio, e sirva polvilhado com coco ralado tostado.




Fonte//Teleculinária







terça-feira, 17 de setembro de 2019

Como fazer uma luminária de parede com um tubo de PVC


Os tubos de PVC são um excelente material para construir luminárias bem originais. Pode adquiri-los numa loja da especialidade ou tentar encontrar pedaços em obras, pois normalmente sobram alguns que até são colocados no lixo.


Photo Youtube SS Mifada Tutorial


Como fazer uma luminária com cordel ou lã grossa



Para esta luminária precisa de um pedaço de tubo de PVC com 110mm de diâmetro ou aproximado e 23 cm de comprimento, uma tábua com 8.5cm de largura, um casquilho e uma lâmpada azul, uma folha de acetado translucida ,tinta spray preto.





As ferramentas necessárias, são uma serra de dente fino ou uma rebarbadora com disco de corte fino, uma fita métrica, um marcador, chave de fendas, e opcional uma pistola de ar quente.
É de construção relativamente fácil e tem um efeito fantástico

Veja o video tutorial do canal Youtube SS Mifada Tutorial





Como fazer uma luminária com madeira e sisal


Faça uma luminária rustica com raladores de cozinha










Dê mais beleza ao seu jardim usando a técnica “Hugelkultur”



Se não dispõe de muito tempo para regar diariamente o seu jardim então poderá optar por fazer o sistema Hugelkultur nos seus canteiros. Economizará muita água e tempo. Terá apenas que investir algum tempo para o fazer
Originário da Alemanha e da Europa Oriental, Hugelkultur significa "cultura das colinas" ou "cultura dos montes". É um monte, às vezes chamado de berma, de restos de cozinha e outros materiais de compostagem em cima de uma pequena vala cheia de troncos e galhos. Este método de compostagem tenta replicar a decomposição que acontece naturalmente no solo das florestas. É adequado para jardins urbanos e rurais, e é um exemplo de permacultura no seu melhor.


Photo Thisnaturaldream

Aproveitando gavetas para fazer floreiras



Esse tipo de jardim consiste em fazer uma cama com troncos velhos cobertos de terra. É só pegar troncos (quanto mais decompostos melhor) e fazer um monte, depois disso jogue a terra por cima e cuide do solo normalmente. A vantagem dessa técnica de jardinagem é que, além de reaproveitar os restos do seu jardim, os troncos também funcionam como um tipo de esponja, absorvendo o líquido do solo e soltando quando necessário.





Como fazer

Cave o canteiro com cerca de 30cm de profundidade e reserve a terra retirada.
Reúna tabuas velhas, galhos e material de limpeza vegetal, palha etc
Coloque as tabuas no buraco juntamente com os galhos. Preencha todas as áreas abertas na pilha de troncos com material vegetal. Se você tiver material de compostagem, coloque-o em cima dos troncos e galhos. Depois do buraco preenchido, molhe bem.
Coloque a camada de terra e regue muito bem novamente.
Depois de secar um pouco revolva a camada superior, pode juntar adubo e fazer a sementeira ou plantar as suas plantas favoritas

Como fazer propagação de roseiras por estacas


Algumas principais razões para fazer o hugelkultur


Como outros métodos de compostagem, no hugelkultur aproveita os restos de cozinha para que haja menos lixo nos aterros sanitários.
O lento apodrecimento dos troncos significa que há uma fonte contínua de nutrientes para as plantas durante anos.
Os troncos em decomposição geram calor e, portanto, estimulam o crescimento nas épocas mais frias.
Os troncos, galhos e galhos agem como uma esponja, o que significa que não há necessidade de regar o hugelkultur muitas vezes. Este é um benefício especialmente grande zonas com pouca água ou pouco tempo para regar o jardim ou horta.

Photo Prepperssurvivalhomestead

Como cultivar batatas em vasos





O hugelkultur melhora a fertilidade do solo.
Este método de compostagem usa madeira que não é adequada para outros fins, como queima ou construção.
Hugelkultur não tem manutenção, não precisa virar o composto.
Não liberta odores
É sem dúvida uma excelente maneira de aproveitar os resíduos vegetais.




domingo, 15 de setembro de 2019

Cultive 8 ervas aromáticas na sua cozinha


Que tal deixar sua cozinha com agradáveis aromas provenientes de ervas aromáticas que cultiva na própria cozinha? Não precisa de muito espaço disponível, apenas uma prateleira com bastante luz solar. Para cultiva-las utilizará apenas fracos com água, sem terra.



Photo Historias com valor

10 truques para cozinhar mais rápido



Esterilize o vaso, garrafa ou frasco de vidro com álcool ou com água a ferver.
Coloque água no frasco. Se a qualidade da água não for boa, por exemplo se for salobra, use agua mineral
Corte 1 cm da base da erva e coloque no vaso;
Lave o frasco 1 vez por semana, renovando a água sempre que necessário;
Se quiser que as raízes saiam mais rapidamente, coloque num pouco de água morna, alguns pedaços de salgueiro e deixe a noite. Pela manhã, troque a água do vaso por essa.

Quais as ervas para cultivar na água

1. Alecrim

O alecrim gosta de sol, então deixe-o perto da janela. Sua base, mais lenhosa, leva algum tempo para enraizar, mas quando está firme, seus brotos vêm com força total, rapidamente.




 2. Sálvia

A melhor época para fazer o plantio da sálvia é a primavera. Corte as estacas e coloque em água. Ela gosta de luminosidade e tem muita propensão a cultivar mofo, então coloque também perto da janela.

 3. Hortelã

Fácil de cultivar, é só colocar as estacas na água que ela irá enraizar. Ela é muito bonita e aromática, rica em mentol que dá uma sensação de frescor na pele e na língua. Ideal para sumos e outras receitas.

 

Photo Pinterest

10 truques para cozinhar mais rápido


4. Estragão

Para cultivá-lo, coloque alguns talos na água, perto da janela que logo irá começar a criar as raízes.




 5. Manjericão

O manjericão também cria raízes facilmente, basta colocar estacas na água, antes do período de floração, perto da janela. Além se muito cheiroso, ele fica bem cheio e vivo.


6. Hortelã verde

Não é tão refrescante como a hortelã pimenta, mas pega muito fácil, criando uma rica folhagem.

 7. Tomilho

Coloque as estacas ainda verdes, de preferência na primavera, e coloque na água. Quando as raízes nascerem, corte a estaca para estimular os brotos.

 


Photo LeveBemdelivery

Como plantar morangos num canteiro feito com palete

8. Orégãos

Muito simples de cultivar, enraíza facilmente, sendo uma delícia nas receitas e muito delicada na decoração.


Dica

Use frascos e garrafas com formatos e cores diferentes, darão um ar mais lúdico ao seu cultivo.


Seis dicas para saber se a melancia está madura e doce


Fonte//Dicasonline






Como fazer uma luminária com cordel ou lã grossa


Quando queremos mudar algo na decoração da nossa casa mas, não podemos investir muito dinheiro, existem algumas soluções bem simples, baratas e fáceis de fazer como a luminária de cordel.


Photo Pinterest

Como fazer uma luminária, estilo calice, com uma garrafa de vinho


A luminária de cordel pode ser utilizada nas várias divisões da casa e em vez de gastar dinheiro em lustres, pendentes e luminárias caras pode fazer a sua própria luminária de cordel e deixar a decoração do local bem bonita e agradável.
Fazer uma luminária de cordel é muito mais fácil e rápido do que parece. São necessários poucos materiais para fazer a luminária de cordel.






Materiais necessários


Cordel ou lâ grossa,
Cola branca,
Um Balão
Um pendente simples com lâmpada


Photo Pinterest


Como fazer uma luminária, estilo calice, com uma garrafa de vinho


Como fazer:


Encha o balão deixando-o do tamanho que você deseja para a sua luminária.
Pincele o balão com cola branca diluída em água
Enrole o cordel no balão de maneira irregular, enrolando em várias direções
Coloque muita cola por cima do cordel já enrolado.
Deixe a cola secar bem
Fure o balão e retire-o de dentro da luminária
Para terminar, coloque o pendente com a lâmpada.
Se usar lã grossa pode facilmente variar a colo da luminária mudando a cor da lã